2 Pronunciamentos do Google Que Podem Turbinar o Seu Negócio

0
 2 Pronunciamentos do Google para você que precisa aumentar o número de acessos orgânicos (grátis) a seu site.
 2 Pronunciamentos do Google
Olá!

O Google acabou de fazer dois pronunciamentos muito interessantes sobre SEO…

(Pronunciamentos que podem te surpreender).

Você ouviu falar deles?

Caso não, leia esse texto inteiro.

E mesmo que você tenha lido os pronunciamentos, leia todo o texto.

Por qual motivo? Porque eu vou te mostrar como rankear melhor seu site com estas revelações de Mountain View (a cidade sede do Google).

Sem delongas, vamos lá…

Pronunciamento #1: Links e Conteúdo são os fatores #1 e #2 mais importantes para o Google

Como você deve saber, o Google usa mais de 200 fatores para rankear websites.

E profissionais de SEO sabem há tempos que backlinks perfazem grande parte desses 200 fatores.

Por exemplo, 3 dos fatores mais conhecidos do Google são relacionados a links: 1. o número de links apontando para o seu site, 2. o texto âncora destes links e 3. a autoridade destes links.

Esse é o motivo pelo qual as agências decentes de SEO diz a seus clientes que link building é a CHAVE para as primeiras páginas do Google.

Então acho sensacional ouvir o Google confirmar que links e conteúdo são seus dois fatores de rankeamento mais importantes.

Quando um Estrategista Sênior de Qualidade de Busca do Google (Audrey Lipattsev) foi questionado sobre os dois principais fatores de rankeamento, ele respondeu:

“Eu posso te dizer quais são eles. É conteúdo. E links apontando para o seu site.”

Então da próxima vez que você ver um artigo alarmante “o link building está morto!”, mantenha o “sorriso amarelo” na cara…

e continue trabalhando duro em link building.

Dica chave: apesar do barulho em cima de “provas sociais”, os backlinks continuam sendo o coração dos algoritmos do Google. Se você quer mais links white hat para o seu site, te recomendo fortemente assistir a este vídeo passo a passo.

 

Pronunciamento #2: o Google usa CTR e experiência do usuário em seu algoritmo

Sim, links ainda são “o rei” hoje em dia…e provavelmente vão permanecer como o primeiro fator de rankeamento do Google por anos.

Mesmo assim, o Google está sempre adicionando novos fatores a este mix.

E em uma conversa recente, o engenheiro do Google Paul Haahr revelou alguns destes fatores.

Especificamente, Paul revelou que:

  1. O Google roda testes A/B com os SERPs. Então, se você acessar 1-2 sites aleatoriamente, pode não encontrar nada a ver com links, SEO on-page, etc. Pode ser um teste.
  2. O Google realmente utiliza dados de click-trough-rate (CTR) como um sinal de rankeamento.

Isso não deveria ser uma grande surpresa.

Afinal, se um site rankeia #2 no Google — e dificilmente alguém clica no resultado — provavelmente aquela página é irrelevante.

E se alguém realmente clica — mas depois clica no botão voltar depois de 2 segundos — isso diz pro Google que é um resultado de baixa qualidade.

Por outro lado…

Se a sua página tiver um número de cliques acima da média — e as pessoas colam no seu site como super cola — é um sinal pro Google que as pessoas gostam do seu site.

E é provável que o seu rankeamento suba.

Dica chave: o Google presta atenção em como as pessoas interagem como o seu site. Um CTR alto e tempo de permanência no site pode turbinar o seu rankeamento.

E para obter um monte de estratégias super práticas que podem otimizar o seu CTR e tempo no site, veja este post que eu publiquei alguns meses atrás.

(Preste atenção especial nos itens #2, #7 e #9)

Nos falamos em breve.

Cheers,

Brian

Este é um texto retirado de um e-mail marketing enviado por Brian Dean, fundador do Backlinko e uma das minhas referências em SEO no mundo.

Se você tem algum comentário sobre este tema, coloque aqui em baixo.

Até logo!

Share.

About Author

Marcelo Pimenta é fundador da LeadseVendas.com, uma empresa especializada em aquisição de clientes (marketing de performance, SEO, landing pages, email marketing, growth hacking).Pós graduado pela ESPM e com especialização em Negócios Internacionais pela Florida International University (Miami, EUA).Foi Diretor de Marketing da Verisure Brasil, a maior empresa de Alarmes Monitorados da Europa.Foi um dos co-fundadores da Vale Presente Mastercard, onde atuou por 4 anos como Gerente Geral de Marketing e Produtos.Além disso, trouxe a marca americana de camisetas Threadless para o Brasil e foi head da área de social commerce da varejista Magazine Luiza.Ajuda empreendedores em todo o Brasil e organiza o meetup dos Growth Hackers de SP http://meetup.com/growth-hackers-spLinkedin: http://br.linkedin.com/in/pimentamarcelo/ e-mail: pimenta@businessideas.com.br

Leave A Reply