Vale do Silício: Visitei os escritórios do Evernote, Zendesk e Square. Veja como gestão de pessoas é levada a sério em San Francisco

6

Eu visitei os escritórios do Evernote, Zendesk e Square no Vale do Silício, California.

E para você que quer conhecer ou morar na “meca” do empreendedorismo no mundo, não vou me meter a dar dicas de um morador.

Quem já fez isso foi o Reinaldo Normand, lançando um eBook grátis para download em valedosilicio.com

No entanto, quero colocar de forma bem prática e resumida as minhas percepções sobre essa cidade bem diferente.

Esse blog tem o objetivo de inspirar empreendedores, então quero compartilhar o que vi, o que concluí e algumas imagens desses belos escritórios.

Eles fazem toda a diferença para um clima de trabalho bem criativo.

Ouvi dizer que montar um escritório em San Francisco agora é hype.

São muitas startups na região central da cidade, perdi a conta.

Por isso, muitas empresas estão localizadas nas cidades ao sul do Vale do Silício, como é o caso do Evernote, que fica em Redwood City.

E que cidade agradável para morar.

Redwood City

Fachada do Evernote

Vale do Silício: Evernote

O Evernote é um serviço de gerenciamento de trabalho/tarefas/notas.

Quando você se torna usuário, pode integrar smartphone, tablet e computador.

Nele é possível inserir notas do seu dia a dia com fotos, lembretes, cadernos separados por temas e até apresentar suas ideias com uma ferramenta interna do app deles.

Já são mais de 100 milhões de usuários em todo o mundo. Eu mesmo sou um hard user.

Eu não imaginava que eles teriam um escritório tão grande e legal.

O clima é legal, as pessoas são bem legais.

Logo que você chega eles te oferecem um café profissional, feito pelos próprios funcionários naquele espaço de madeira que você enxerga à direita da foto abaixo.

E ali no fundo tem o Evernote Market, com alguns itens da marca que você pode adquirir no local.

Recepção do escritório do Evernote

Daí você enxerga esse imenso painel de lousa e giz que traz a mensagem: “Evernote California, remember everything”. É o espaço mais cobiçado pra uma selfie no local.

marcelo pimenta no evernote

Todos os dias tem almoço grátis para a equipe.

E o tema da comida varia diariamente.

Às vezes tem massas com temperos bem diferentes, outras vezes receitas mexicanas baseadas com guacamole e assim por diante.

O restaurante é bem amplo pra acomodar quase 200 funcionários.

Sem contar no excesso do que eles chamam de Perks: salgadinhos, frutas, refrigerantes e doces que você pode pegar o dia todo. Mas como é liberado, ninguém abusa.

Restaurante do EvernoteNão vi ninguém usando no horário de trabalho, mas tem uma academia dentro do escritório pra quem quiser malhar. É simples, mas cumpre o dever.

Academia do Evernote

Esse bicicletário é completamente grátis e liberado pra equipe também.

Inclusive um dos benefícios da empresa é o subsídio a comprar um carro elétrico.

A Evernote paga o carro para os funcionários de acordo com o contrato de trabalho e disponibiliza 12 espaços para que eles possam carregar seus carros ali mesmo, diariamente.

Bicicletário Evernote no Vale do Silício

Infelizmente não pude tirar foto, mas na Evernote existe um local cheio de esteiras, onde você pode se exercitar enquanto trabalha ao mesmo tempo!

Agora veja mais alguns dos benefícios que eles possuem.

Alguma semelhança ao que proporcionam as empresas brasileiras?

  • Bônus anual e possibilidade de obter ações da cia;
  • Paid time off, uma espécie de banco de horas que te permite certas ausências;
  • Assinatura anual ao One Medical;
  • Assistência médica e dental, bem como seguro de vida com 100% de cobertura;
  • US$1,000 uma vez por ano como subsídio a suas férias;
  • Assinatura anual ao New York Times;
  • Academia, sala de jogos e cadeiras de massagem;
  • Bebida e comida livres o tempo todo;
  • Transporte público completamente grátis;
  • Conta de celular paga pela empresa e um MacBook Pro;
  • Entretenimento: Terças com chás, Quintas com Ice Coffee; Sextas com cerveja livre.

Zendesk

Zendesk, Inc. é uma empresa de desenvolvimento de software com sede no centro de San Francisco.

A empresa vende sua plataforma de atendimento ao cliente hospedada na nuvem (SaaS) e provavelmente você já deve ter utilizado um de seus serviços quando abriu algum chat de um e-commerce por aí.

A empresa foi fundada em 2007 na Dinamarca.

Conheci alguns brasileiros que trabalham lá e um deles me contou que a operação é 24/7, ou seja, nunca pára.

Mas disse que não precisam fazer hora extra, porque os times de outros continentes assumem o negócio quando termina o expediente de outro país.

O escritório é bem moderno, com algumas intervenções de decoração clássica:

Recepção da ZendeskO nome Zendesk faz referência exatamente a “ter uma vida mais zen”, com um atendimento de qualidade, para que seus clientes finais não precisem se estressar com os problemas.

Um dos locais de trabalho na ZendeskAbaixo mostro o local dos famosos Perks da Zendesk.

Um dos colaboradores me disse que até a cerveja é liberada, mas que o pessoal não abusa de forma alguma. Geralmente bebem informalmente às sextas, no final do expediente.

Free perks para todos os colaboradores no vale do silícioNesta prateleira abaixo os colaboradores têm acesso a salgadinhos, pequenos snacks, granola e doces. Tudo pra que possam trabalham mais inspirados no dia a dia.

Free perks para todos os colaboradoresRepare em como são bem descontraídas as estações de trabalho.

Estações de trabalho bem informais

Estações de trabalho bem informais

Ali ao fundo eles têm algumas salas de reunião totalmente abertas.Decoração clássica aliada a um ambiente modernoE neste grande salão abaixo, ainda que seja próximo à recepção do escritório, existe um lounge para reunir todos os funcionários nas reuniões semanais da companhia.

Auditório onde acontecem as reuniões semanais da Zendesk

Recepção também é local de trabalho na ZendeskAlém de possuírem certos locais descontraídos para reuniões mais rápidas, com menos pessoas.

Recepção também é local de trabalho na Zendesk

Alguns dos benefícios da Zendesk incluem:

  • 20 dias de paid time off + férias;
  • Cozinhas totalmente livres para alimentação;
  • Estacionamento subsidiado;
  • Bônus para quem indicar colaboradores;
  • Plano de aposentadoria;
  • Torneio anual de futebol;
  • 80% de subsídio no prêmio do seguro saúde;
  • Desconto em academias locais;
  • Happy hours semanais, guerra de sobremesa, concurso “quem como mais melancia”, café da manhã bacon + waffles e outros mais.

Square

O Square é uma das empresas que eu mais queria visitar no Vale do Silício.

Foram eles que inventaram aquele leitor de cartão de crédito para celulares, que se alastrou aqui no Brasil com outras empresas.

Hoje eles dominam o mercado americanos de POS (points of sale), oferecendo um software e um hardware de gerenciamento de caixa para pequenos negócios.

Você os encontra por exemplo em qualquer cafeteria nos EUA. Funciona com qualquer iPad, veja:

POS do Square

O grande idealizador do Square foi Jack Dorsey, um dos fundadores do Twitter.

Para mim, Dorsey é um empreendedores mais visionários da atualidade, e seus valores de inovação e simplicidade estão bem claros por todo o escritório.

Confira algumas imagens:

Recepção do SquareLogo que você entra na recepção do Square você dá de cara com o logo quadrado deles e uma TV que mostra exatamente como funcionam seus produtos.

Recepção do SquareNo Square tem uma espécie de laboratório real de seus produtos.

Nessa foto abaixo você pode ver uma cafeteria bem profissional, onde o pagamento é feito pelo sistema proprietário.

Square LabsO amplo escritório fica na Market Street de San Francisco, no mesmo prédio do Uber e bem ao lado do Twitter, que tem um prédio gigantesco ali bem próximo.
Por dentro do escritório do SquareO Square também abriga algumas salas de reuniões bem informais, onde as pessoas podem simplesmente chegar e sentar.

Por dentro do escritório do Square

Não pude tirar foto de todo o escritório, mas vale ressaltar que os Perks também são liberados a todos os funcionários: lanches, salgadinhos, água, refrescos e cerveja.

É interessante como uma intervenção como essa dá um clima de liberdade pra equipe.

Outros benefícios incluem: saúde e bem-estar, férias ilimitadas, educação financeira e possibilidade de obter ações da empresa, programa de desenvolvimento de carreira com mentoria de alta classe e diversas opções de entretenimento, como noite de filmes, filhos na empresa, festa anual e outras mais.

Percebi que benefícios no Vale do Silício como um todo é levado muito a sério.

Nenhuma empresa quer correr o risco de perder seus talentos, então todas investem muito pesado em gestão de pessoas.

Fico por aqui e espero ter ajudado com alguns insights sobre essas grandes empresas americanas.

E você, já conhece o Vale do Silício?

Se tiver alguma dica ou comentário, sinta-se livre para um feedback aqui nos comentários!

Share.

About Author

Marcelo Pimenta é fundador da LeadseVendas.com, uma empresa especializada em aquisição de clientes (marketing de performance, SEO, landing pages, email marketing, growth hacking).Pós graduado pela ESPM e com especialização em Negócios Internacionais pela Florida International University (Miami, EUA).Foi Diretor de Marketing da Verisure Brasil, a maior empresa de Alarmes Monitorados da Europa.Foi um dos co-fundadores da Vale Presente Mastercard, onde atuou por 4 anos como Gerente Geral de Marketing e Produtos.Além disso, trouxe a marca americana de camisetas Threadless para o Brasil e foi head da área de social commerce da varejista Magazine Luiza.Ajuda empreendedores em todo o Brasil e organiza o meetup dos Growth Hackers de SP http://meetup.com/growth-hackers-spLinkedin: http://br.linkedin.com/in/pimentamarcelo/ e-mail: pimenta@businessideas.com.br

6 Comentários

  1. Muito bom o post!! Parabéns!! Vai levar muito tempo para empresas brasileiras chegarem a esse nível de pensamento sobre gestão. O micro-gerenciamento ainda é forte no no mercado e isso é péssimo. Não é só de $$ que vive o homem.

    • Obrigado Camilo! Com certeza esse nível de gestão ainda vai levar muito tempo pra amadurecer aqui, mas algumas empresas já estão abrindo o olho. E as americanas que se instalam aqui também tem feito um ótimo trabalho nesse sentido. Abs!

  2. Pingback: Startups financeiras - fintech - o panorama do Brasil

  3. Pingback: Home Office: 6 Dicas para transformar seu escritório

Leave A Reply